Coreia do Sul doará US$ 3 milhões ao Japão para recuperação após terremoto devastador

Siga nosso Canal no Youtube
www.youtube.com/@radiopiranhas

A Coreia do Sul prometeu doar US$ 3 milhões em ajuda humanitária ao Japão para auxiliar nas atividades de recuperação da Península de Noto, que foi atingida por um terremoto no início do ano, informou o Ministério das Relações Exteriores sul-coreano nesta quinta-feira (11), de acordo com o Reuters.

“O governo espera que a ajuda possibilite a recuperação das áreas afetadas e auxilie os residentes locais a retomarem suas vidas cotidianas o mais rápido possível”, afirmou o Ministério em comunicado.

Danos e recuperação após terremoto

O terremoto de magnitude 7.6 atingiu a região oeste do Japão no dia de Ano Novo, causando a morte de mais de 200 pessoas e obrigando mais de 26.000 pessoas a evacuarem suas casas.

Em resposta, o Ministério das Relações Exteriores do Japão declarou: “Realmente apreciamos e acolhemos essa decisão, que demonstra a relação amistosa e cooperativa entre Japão e Coreia do Sul”.

Promoção de relações amigáveis

O Japão revelou na semana passada que estava em negociações com os Estados Unidos sobre assistência de emergência, recusando ofertas de ajuda de outros países, incluindo a China, temporariamente. Desde então, afirmou que aceitaria socorro, desde que isso não cause complicações logísticas.

A decisão da Coreia do Sul de fornecer ajuda ocorre em um momento em que o presidente conservador Yoon Suk Yeol tem melhorado significativamente os laços e a cooperação de segurança com o Japão, apesar das tensões remanescentes sobre a história da Segunda Guerra Mundial e reivindicações territoriais sobre ilhotas entre os dois países.

Controvérsia nos Estados Unidos

Em relacionadas recentes, o comitê da Câmara dos Representantes dos EUA, liderado pelos republicanos que supervisionam um esforço para impugnar o secretário de Segurança Interna Alejandro Mayorkas sobre a imigração ilegal, desconsiderou na quarta-feira a oferta do chefe de fronteira para testemunhar em sua defesa.

source
O Antagonista

Compartilhar:

WhatsApp
Facebook
Twitter
Telegram
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *