EUA esperam retaliação dos houthis após ataques no Iêmen

@radiopiranhas

A administração do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, espera que os houthis respondam às ações feitas pelos EUA e pelo Reino Unido na semana passada, diz o coordenador de comunicações estratégicas do Conselho de Segurança Nacional, John Kirby. O grupo do Iêmen é apoiados pelo Irã e tem atacado navios no Mar Vermelho.

Enquanto os EUA ainda estão avaliando os danos, as autoridades acreditam que os ataques tiveram “bom efeito” contra a infraestrutura Houthi no Iêmen, que foi usada para atacar o transporte marítimo na região, disse Kirby.

O governo dos EUA está agora assistindo “muito, muito de perto” por qualquer potencial ataque de retaliação dos houthis, disse Kirby no domingo no “Face the Nation” da CBS. Ele disse que o governo espera que os houthis repensem sua atividade agressiva na região.

“Ninguém quer entrar em conflito com os houthis. Não estamos procurando um conflito com o Iêmen aqui. Estamos tentando fazer com que esses ataques parem”, disse ele.

Sobre os ataques

Os ataques dos militares dos EUA e do Reino Unido contra alvos houthis na quinta-feira e sexta-feira marcaram uma resposta significativa depois que o governo de Biden e seus aliados alertaram o grupo militante que haveriam consequências de seus ataques no Mar Vermelho.

A situação no Iêmen é um ponto central no temor de que a guerra Israel-Hamas se expanda ainda mais através do Oriente Médio, envolvendo grupos como os houthis e o Hezbollah no Líbano.

source
Fonte: CNN

Compartilhar:

WhatsApp
Facebook
Twitter
Telegram
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *