Freddy Ferreira analisa a bateria de Niterói no ensaio técnico

A bateria da Acadêmicos de Niterói esteve bem no ensaio técnico, comandada pelo consistente mestre Demétrius. Uma apresentação que mostrou o bom ritmo da “Cadência Niterói”, principalmente nas afinações e nos trabalhos sólidos envolvendo os médios.

Na parte traseira do ritmo, foi possível notar uma bateria “Cadência de Niterói” muito bem afinada. Os marcadores de primeira e segunda se mostraram precisos e educados. O balanço dos surdos de terceira embalou o ritmo da azul e branca de Niterói de forma sólida. O preenchimento da sonoridade por parte dos médios exibiu qualidade musical, com repiques de boa técnica e caixas de guerra com volume acima da média.

Já na cabeça da bateria, uma ala de chocalhos de alto nível técnico tocou de forma interligada a um naipe de tamborins de inegável qualidade musical, que executou uma convenção rítmica simples, mas pautada pela melodia do samba. Para auxiliar no complemento das peças leves, uma ala de cuícas bastante ressonante também adicionou valor sonoro à bateria da Niterói.

Com bossas musicais que se aproveitavam das nuances melódicas do samba-enredo, a bateria da Acadêmicos de Niterói apresentou um conjunto bem satisfatório de paradinhas. Algumas ajudaram a evidenciar a diferença entre os timbres das afinações de surdos, se aproveitando inclusive do balanço irrepreensível das terceiras nos arranjos. É possível dizer que a precisão e boa educação dos marcadores esteve em alta na realização das bossas e também nas retomadas.

Um ensaio técnico produtivo e que mostra uma bateria “Cadência de Niterói” de mestre Demétrius cada vez mais pronta para o desfile oficial. Um conjunto de bossas simples, mas bastante funcional e musical foi apresentado. Certamente a musicalidade das bossas ajudou a impulsionar os desfilantes da Acadêmicos de Niterói, num ensaio que foi realizado integralmente sob chuva forte. Entretanto, nem o tempo ruim desanimou a galera do ritmo, que se manteve discipinada e focada durante todo o cortejo, além de produzir invariavelmente um bom ritmo.


source
R7

Compartilhar:

WhatsApp
Facebook
Twitter
Telegram
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *