Volta às Aulas 2024: Saiba como economizar com material escolar

Siga nosso Canal no Youtube
www.youtube.com/@radiopiranhas

No início do ano letivo de 2024, pais e responsáveis por alunos se veem preocupados com a alta nos preços dos materiais escolares. Segundo um levantamento feito pela Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado (FECAP), os itens dessa lista estão, em média, 8,5% mais caros, influenciados pela inflação brasileira de 4,63% acumulada em 2023.

Os fatores que influenciam na alta dos preços

Outros fatores que contribuíram para a elevação dos preços foram o aumento no custo de produção e a valorização do dólar. A Associação Brasileira de Fabricantes e Importadores de Artigos Escolares e de Escritório (Abfiae) mostra que em 2023, o aumento no custo de produção de materiais escolares foi de 7,5%, provocado principalmente pelo encarecimento das matérias-primas como papel e tinta.

A valorização do dólar americano frente ao real, fez com que os artigos importados, inclusive os materiais escolares, se tornassem mais caros. Entre os itens com maiores aumentos, se destacam os cadernos, com 15%, os lápis de cor com 12% e as borrachas com 10%.

Como economizar na hora de comprar material escolar

Frente a este cenário, a economista e professora da FECAP, Nadja Heiderich, oferece algumas dicas para reduzir os gastos com o material escolar. Entre as recomendações, estão as pesquisas de preços em diversas lojas, físicas e online, e a preferência por marcas mais baratas, uma vez que nem sempre as mais caras e importadas têm uma qualidade superior.

A economista também sugere aproveitar as promoções que muitas lojas oferecem neste período, reutilizar materiais em bom estado do ano anterior e até mesmo comprar itens usados. Tudo para aliviar o orçamento familiar nesse início de ano.

Portanto, com planejamento e pesquisa criteriosa, ainda é possível economizar na compra do material escolar, mesmo diante do aumento dos preços.

 

 

Com informações da CNN Brasil

source
O Antagonista

Compartilhar:

WhatsApp
Facebook
Twitter
Telegram
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *